Melhor Música Nova | Christina Aguilera feat. Demi Lovato - Fall In Line

Melhor Música Nova | Christina Aguilera feat. Demi Lovato - Fall In Line

Christina Aguilera está oficialmente de volta com a  canção “Fall In Line”, um poderoso dueto com Demi Lovato. A canção representa de modo enfático a prisão que todos nós sentimos e a liberdade que podemos alcançar. Mais do que isso, exala empoderamento feminino e enfrenta questões como o abuso e a exploração sexual.

Certo que antes desta expressiva balada, Aguilera deu uma pitada do novo álbum, intitulado “Liberation”, com o single "Accelerate" e a promocional "Twice", mas nada tocou tanto no âmago das nossas emoções quanto este imponente hino, onde as duas cantantes atingem todas as notas de forma certeira.

Aguilera co-escreveu a música com Jonny Simpson, Mark Williams, Audra Mae, Raul Cubina e o produtor Jon Bellion, este último também responsável por produzir e proporcionar a construção soul power para a canção, sublinhanando a sua mensagem.

Liricamente, “Fall In Line" encoraja as mulheres a demonstrar força, a se imporem diante de um sistema muitas vezes misógino, que explora seus corpos como objeto sexual e coloca em jogo o intelecto das mesmas. 

Garotinhas, ouçam com atenção
Porque ninguém me disse
Mas vocês merecem saber
Que neste mundo
Você não está em dívida
Você não deve a eles
O seu corpo e a sua alma

Demi Lovato ainda enfatiza:

Mostre um pouco de pele
Faça ele te desejar
Porque Deus te proibiu
Conheça seu próprio caminho
E pergunte a si mesma, por que isso importa?
A quem isso agrada?
Você é mais que carne e osso

RELAÇÃO COM O MOVIMENTO #MeToo

O movimento MeToo vem tomando conta do mundo do entretenimento. Nas últimas edições do Oscar e Grammy, foi possível notar uma grande quantidade de artistas, homens e mulheres, unidos em uma só corrente para protestar contra a exploração e o assédio sexual. Porém, de onde vem a expressão MeToo? Advém do movimento ‘The Silence Breakers’, algo como quebra do silêncio, que teve início em 1996, pela ativista Tarana Burke, e foi propagado pelas vítimas de assédio como um ato de empatia e apoio a Burke, que não teve coragem de dizer “Eu também” a uma criança que a relatou ter sofrido abuso sexual do padastro.

Analisando mais minuciosamente “Fall In Line”, é possível ouvir uma voz masculina distorcida que lhes diz para calar a boca, e pergunta. “Quem te disse que você tem permissão para pensar?”.  E é exatamente assim que alguns produtores e empresários do mundo do entretenimento pensam, que as mulheres devem se calar diante dos abusos constantes, enquanto aceitam ser “assessoradas” por eles.

O novo single de Aguilera e Lovato tem uma ideia oposta a isso. Não só incentiva a quebra do silêncio, como deixa claro que todas as mulheres são donas dos seus desejos e que podem ser o que quiserem.

Mas eu decidi mostrar a minha força
E eu tenho o direito de falar o que penso
E eu vou pagar por isso
Eles vão me queimar na estaca
Mas eu tenho um fogo nas minhas veias
Eu não fui feita para seguir ordens

Aguilera é consciente de que se impor talvez não mude a cena, mas deixar de denunciar também não acabará com o problema.

É assim que as coisas são
E talvez elas nunca mudem,
Mas eu decidi mostrar a minha força
E eu tenho o direito de falar o que penso

“Fall In Line” se torna agora, uma poderosa arma de conscientização, para que as pessoas percebam que o assunto do abuso não é só seu, que é necessário falar, e essa é de longe, umas das mais poderosas letras do ano.

Do Pior Ao Melhor | Kanye West

Do Pior Ao Melhor | Kanye West

Top 10 | Melhores Raps Sobre Mães

Top 10 | Melhores Raps Sobre Mães